Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2005

Muita força

Olá eu sou a Fátima,tenho 22anos...e gostava de deixar meu testemunho a todas as mulheres que tal como eu não podem sonhar com o dia de serem mães...pelo menos como desejariamos...
Tinha 17anos quando me deparei com a dura realidade (na altura assim encarava a infertilidade) de não puder ter filhos...em segundos o mundo parecia ter desabado...julguei que nunca iria conseguir suportar a dor de não gerar um filho dentro de mim...pensei mesmo que a vida para mim havia terminado ali mesmo...com o tempo,após muitas recaidas,e um enorme apoio por parte de meus familiares e amigos,comecei a encarar a minha limitação...sim porque não considero ser um problema!Como muitas mulheres,senti-me inúmeras vezes inferior,e pensei que nunca faria ninguem feliz...contudo, hoje acredito que se muitas vezes nos olham como coitadinhas,é de algum modo culpa nossa...isto porque apartir do momento em que não nos aceitamos,ninguém nos vai aceitar...parte de nós mostrar ao mundo que somos iguais a qualquer outra mulher...Ninguém é inferior a ninguém...
A todas as mulheres que sofrem por este motivo apenas posso dizer:MUITA FORÇAAAA!!!
publicado por anjinhaaa às 16:41
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De Joo a 18 de Fevereiro de 2005 às 04:56
:) Vim Há tua força inspirar um folego de lutadora.
Beijo Grande e obrigado
João


De JC-SilverDragon a 24 de Janeiro de 2005 às 11:29
Bom Fatima, deixa-me dizer-te que estas a fazer um bom trabalho, nao só nos teus topics porque como podes ver tens uma media alta de comentarios aos teus post... o pessoal que ve o teu blog pode estar a satisfazer muitas duvidas, "na qual eu me incluio"... isto porque o teu blog esta a modificar na tua barra de informação com varios links importantes.. como a aquel do IPJ (que eu desconhecia), e nele encontrar respostas a muitas preguntas, e ademas pude atraves do teu blog direccionar a uma pessoa que me preguntou se sabia da alguma web sobre a adopção em Portugal, e bom foi so dar o teu link e acho que ficou bem servida...

Nao tendo mais a comentar por momentos, ja que estou em exames finais e pouco tempo tinha de estar na net, di uma volta aos meus links e com muito agrado vejo que estas a por o teu blog muito bom e funcional... segue assim... vai dando noticias... all rigth.... um abraço e portate... bye


De blue_sould a 23 de Janeiro de 2005 às 00:20
Não sei o que é sentir mas sei que é deloroso e impiedoso não puder ter filhos. É a lei da natureza.,ninguém pode prever nem pronunciar juízos. As palavras do rapaz q pensava q o mundo era redondo dizem tudo.É necessário amar e viver com o que temos,poderás viver e ser uma mãe exemplar. Nunca aceites o facto de não puderes vir a ser mãe. Continua nessa batalha e verás que as lacunas vão ser suprimidas porque temos força interior que nos permitem viver cada dia de cada vez. Desejo te as maiores felicidades e muita força.
Beijus
Blue sould


De o rapaz que pensava que o mundo era redondo a 22 de Janeiro de 2005 às 16:59
Sim é preciso força... n deixam de ser menos mulheres por nao poderem gerar um filho! Isso n vos torna menos capazes de serem boas mães! Ser mãe não é somente gerar uma criança no seu ventre... é dar amor, educar, estar lá sp a acompanhar o filho nos bons e maus momentos... Mts mães apenas geram os filhos e falham no resto, na minha opiniao essas mães são menos capazes k akelas k conseguem amar uma criança como um filho mmo essa criança nao tendo saido de dentro dela. Não podes gerar um filho, mas podes amar.... e olha k filhos mta gente pode faze-los, mas nem todos conseguem ama-los como eles merecem! Não desistas de ser mãe... ha mts crianças k precisam de um lar, de amor, de uma mãe! Beijo


De Jamour a 21 de Janeiro de 2005 às 08:42
Por muito que nos custe devemos por vezes aceitar os designios da natureza. Infelizmente nem sempre nos fazem felizes. Muitas crianças preferiam ter outras mães. Porque muitas mãe têm filhos e não valorizam essa dádiva. Mães que matam os próprios filhos... Passei por aqui, porque me visitaste no meu blog. Nunca desistas de ti e aceita-te por aquilo que es e serás sempre feliz. Beijinhos do jamour. Força!!!


De cable_guy a 19 de Janeiro de 2005 às 20:53
ola anjinha.. n sei se te lembras d mim.. bem, so keria dar.t os parabens pl k escreveste. gostei mt. beijinho e continua c essa força.


De verdusca a 18 de Janeiro de 2005 às 23:35
Parabens Fátima! Gosto de te ver com toda esta força, espero que continue e contagie muita gente. Prometo voltar e comentar :) Beijos amiga, conta comigo para tudo, sei que também posso contar contigo.


De misterious a 18 de Janeiro de 2005 às 20:45
Oixxx,desde k te conheço sempre te vi com muita força, muita energia, com um coração enorme e muito generoso, manifestando sempre a intenção e disponibilidade de ajudar os outros. Infelizmente nos dias de hoje já n se vêm muitas pessoas assim com tamanho coração,mas sim pensando muito apenas nelas próprias.

Eu admiro-te muito e adoro-te muito como tu sabes. Nunca deixes de lutar nem desistas dos teus sonhos e das coisas e/ou causas pelas quais lutas e desejas ver realizadas um dia. São precisamente essas poucas pessoas como tu que fazem a diferença no Mundo.

Para fazeres alguém feliz não é por isso que essa pessoa será menos feliz.

Adoro-te muito e terás sempre o meu apoio como tu sabes e como tens tido sempre.Jinhox


De flor a 18 de Janeiro de 2005 às 17:14
Fatíma... já alguma vez pensaste com as mãos na barriga em como seria ter um bébé dentro de ti? Acho que já... porque pelo que escreveste dás um imenso valor a esse estado!Nunca serás uma mulher imcompleta,se alguem te disser que nunca serás um mulher totalmente preenchida...é mentira e não acredites, essas pessoas não sabem do que falam... Uma mãe é feita pelo sentimento que depreende do acto de ser mãe...tu és uma mãe!E qts filhos desejariam ter uma mãe como tu?Qd vez uma roupa de bébé, um brinquedo,etc... e pensas que gostarias de um dia poder dar isso a um filho teu, tu és uma mãe, mt completa. A limitação física que tens e que ainda neste tempo não é compenssada a nível ciêntifico nunca te impedirá de seres uma grande mãe. Afinal ser mãe é uma coisa inata que já nasce com cada uma ou nao... ter um filho é que é quase sp uma opção... Há mães que têm um filho por descuido, há mães que têm um filho planeado, há mulheres que pura e simplesmente não querem ter porque não nascem como o Mãe dentro delas... Força para ti!Já vi que tens muita... Felicidades... .


De eliana a 18 de Janeiro de 2005 às 13:57
OLÁ não sei se sabes quem sou,lolol olha como é obvio nunca saberei como se sente uma mulher com esses "problemas" não que seja um problema como dizes porque na minha opinião continuas a ser uma grande mulher um filho não te torna mulher preenchete enquanto mulher é a minha opinião,sei que não posso fazer muito para te ajudar , mas tambem sei que és uma pessoa excelente e corajosa e és uma mulher cheia de força e disposta a ajudar os outros tenho a certeza que deus está a olhar por ti,e já sabes podes contar comigo sempre que precisares ,força boa sorte


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Feliz Ano Novo

. PARABÉNS MANA

. Dia Da Mãe

. Ausência

. És o meu Reflexo...

. Feliz Páscoa

. O Bater Do Teu Coração

. Alguém Especial

. Dia Internacional da Mulh...

. O amor não tem cor...(Ado...

.arquivos

. Janeiro 2006

. Julho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds